FTJ - A hora da VERDADE

Idosa judia, residente no território ocupado da Palestina (vulgarmente conhecido como Israel), conta como vivem os judeus no Ocidente. Trecho de um documentário "Defamation" ("Difamação"), produzido pelo judeu Yoav Shamir, sobre a lavagem cerebral que os judeus sofrem, desde criança, sobre o holoconto.

Trecho de discurso proferido pelo auto-didata e acadêmico de estudos africanos, nascido em Trindade e atuante no Reino Unido. Escritor de mais de 10 livros e vários artigos, tendo lecionado em diversas universidades inglesas. Faleceu em 2013.

Vídeo produzido pela American Renassaince, para retirar o estigma imposto ao Homem Branco de assassino de inocentes índios, conforme o marxismo cultural tenta propagar. Devemos estar atentos a alguns casos de extermínio de populações indígenas, nas Américas, foram deliberados, para extirpar o sangue e o conhecimento de remanescentes arianos-atlantes neste continente. Portugal, posteriormente ao extermínio dos lusitanos, tornou-se um reino sefaradita-templário, com a missão de divulgar a pseudo-religião cristã e destruir os resíduos do conhecimento ariano-atlante que ainda podiam ser encontrados em regiões do mundo. Grupos com esta função, como a Ordem dos Jesuítas, controlada por templários e judeus, assim como as coroas européias, escravas dos banqueiros judeus e sanguineamente poluídas por esta raça e, depois, a maçonaria (serviçal dos judeus) se empenharam incumbiram-se desta tarefa. Atualmente, no Brasil, as populações indígenas são endoutrinadas a culpar o Homem Branco de seus dissabores e a serem favoráveis aos donos do mundo a ganharem reservas autônomas do resto do país, riquíssimas de preciosos recursos naturais e exploradas pelas ONG's e transnacionais controladas pelos judeus, em troca de "doutorados na Inglaterra", caminhonetes Hi-Lux e iPods.

Documentário, de 1992, "Holocausto: uma investigação de Auschwitz", feito pelo judeu norte-americano David Cole (David Stein), na época em que ele era revisionista.

Trecho de discurso deste líder negro legítimo, no qual instiga a correta atitude dos negros, para lidarem com sua situação, sem vitimismo.

Entrevista com Shlomo Sand, judeu étnico, nascido na Áustria, historiador e professor universitário. Autor do polêmico livro "A invenção do povo judeu". Renunciou a sua etnia judaica, sendo intensamente perseguido por esta.

Trechos de discursos deste grandioso e legítimo líder negro, realizados na década de 60. Saiba por que e quem o assassinou. Malcolm X, com o passar do tempo, principalmente após seu contato com muçulmanos africanos, passou a ganhar o discernimento de que os judeus, a despeito do clareamento proposital de sua pele, não faz parte do Raça Branca. Ainda, passou a descobrir as mentiras que os judeus disseminavam - ainda disseminam - a respeito da Alemanha Nacional-Socialista e do Führer, a ponto de juntar esforços com George Lincoln Rockwell, líder do Partido "Nazista", nos EUA, para promover a separação entre brancos e negros.

Mais um vídeo do Dr. David Duke, expondo quem criou e dissemina o comunismo no mundo.

Depoimento de um homem negro sobre a manipulação da massa negra, incitação de ódio racista e distorção da verdade, promovidos pelos movimento africanista/negrista, um dos ramos militantes do marxismo cultural, controlado por judeus.

Vídeo produzido pelo canal Blog Reflexões, do YouTube, da série "Desconstruindo falsos heróis". A verdade sobre este torturador e genocida de negros, na África do Sul, endeusado pelo esquerdismo cultural-marxista, controlado pelos judeus.

Vídeo "Desconstruindo falsos heróis. Episódio 2: Zumbi dos Palmares", produzido pelo canal Blog Reflexões, do Youtube.

Nestes tempos de promoção do movimento africanista/negrista, um dos ramos militantes do marxismo cultural, controlado pelos judeus, muito se clama sobre este pretenso líder e suposto defensor dos direitos dos negros norte-americano. Trata-se de mais uma figura degenerada e maligna, incensado pelos engenheiros sociais, responsáveis pela destruição da civilização ocidental. Martin Luther King Jr., na verdade, era nada menos do que um alcoólatra, viciado em drogas, estuprador de mulheres e agente comunista nos EUA.

Trecho de propaganda comercial, do jornal Folha de São Paulo, de 1987.

Corajoso bispo católico tradicionalista inglês expõe a verdade sobre o tema.

Mais uma vez, um ato de coragem deste bispo.

Vídeo muito bem elaborado, com informações incontestáveis para que o leigo se liberte da mentira do holoconto.

Neste vídeo, um judeu explica a permissão para assassinato de crianças (gentias, obviamente), para determinadas práticas, como o libelo de sangue.

Desmistificando a boataria de que Hitler teria desprezado o atleta negro norte-americano, Jesse Owens, vencedor de quatro medalhas de ouro, nas Olimpíadas de Berllim, em 1936. Depoimento do próprio atleta.

Kenneth Humphreys, autor do livro "Jesus nunca existiu" ("Jesus never existed"), apresenta brevemente a verdade acerca deste mito. Vale lembrar que, na época quando o cristianismo fora adotado e disseminado pelo então decadente Império Romano, este já se encontrava infiltrado pelos judeus, sendo os césares deste período provenientes de linhagens amestiçadas com judeus e patrocinados por estes.

Confira a resposta do ator negro ao entrevistador judeu Mike Wallace, no programa 60 Minutes, em 2012.

Varg Vikernes discorre sobre a usurpação de elementos pagãos, para a composição do cristianismo como uma religião aceitável ao europeu.

Declaração deste professor universitário judeu, proscrito do meio acadêmico, por denunciar a indústria de exploração emocional e chantagista do holoconto, durante palestra em universidade, respondendo a uma estudante judia que o desafiou com mentiras e bravatas.

Neste vídeo de 2011, o judeu étnico e atual cristão ortodoxo, Irmão Nathanael, explica o que acontece àqueles que desafiam a versão judaica oficial e mentirosa do holoconto.

Trecho do programa apresentado por Montel Williams, em 1991, com debate sobre o holoconto. Um senhor negro traz uma revelação. Note as risadas dos alegados sobreviventes do holoconto, ao fundo, enquanto o apresentador, declaradamente a favor dos judeus, interrompe aquele senhor, aos 30 segundos do vídeo. Em breve, íntegra do programa neste canal. Acompanhe as atualizações.

Documentário. feito, em 2007, pela da produtora canadense Doc Zone, com base no livro "O Cristo dos Pagãos: A Sabedoria Antiga e o Significado Espiritual do Bíblia e da História de Jesus" ("The Pagan Christ: Recovering the Lost Light"), lançado em 2004, pelo autor canadense Tom Harpur, falecido em 2017, ex-pastor anglicano, jornalista e professor de grego e Novo Testamento, na Universidade de Toronto. Um excelente vídeo para aqueles que começam a procurar informação acerca do mito de Jesus Cristo e farsa de sua alegada existência histórica. Legendado por terceiros.

SHOW MORE

Created 1 month ago.

71 videos

Category Spirituality & Faith